(77) 3423-1741
Siga-nos nas redes sociais

Notícias

04/06/2021

Nossos Cordéis | Anos Finais


Nossos Cordéis | Anos Finais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ana Júlia Dias Freitas


Cordel da tecnologia

Tecnologia envolve comunicação
Sendo essa, rápida e prática,
Que interliga a população
Por meio de uma interação

O tanto que elas ajudam
Também podem atrapalhar
Mas, tá tudo bem…
Podemos aprender a lidar!

Promovendo inovações
A tecnologia quebra padrões
Dando-lhe nos liberdade
Para interagirmos com uma certa igualdade

Ôh descoberta boa foi a tecnologia
Até parece magia…
Isso tudo contagia,
Que alegria!


Ian Leite / Arthur Félix


Vejam a maravilha
Melhor que profecia
Por isso eu digo…
É a tecnologia no dia a dia;

Uma máquina gigante,
Que entra em nossa mente
E faz a gente ficar brilhante;

Essa tal tecnologia
Não era como antes.
Antigamente éramos felizes,
Escrevendo em uma folha retumbante;

Porém ,minha gente,
Essa tecnologia vibrante
Não é insignificante,
Pois ,no fundo do coração
Tem aquele sentimento falante;

O nosso cérebro é uma máquina imparável,
Mesmo sendo assim é um tanto desinformada.
Por isso que de nós, veio a tecnologia…
Sempre nos informando do mundo e da simbologia;

Da nossa tecnologia, veio a internet
Cheia de informações, lembranças e mudanças
Não podemos dizer que somos inteligentes,
Pois comparado com internet nos somos só influentes.


Ana Beatriz | 9º


A tecnologia
é algo bom demais,
ter agilidade pra falar,
que até viram casais…

mas não se engane, minha gente
que também não é tudo de bom,
porque quando a net cai
acaba com esse dom…

E ,nesse tempo de pandemia
que usamos a tecnologia
sem parar noite e dia
temos que assistir nossa aula por uma tela fria!

Mas eu digo ao meu povo,
para agradecer a tecnologia
que nos ajuda no dia a dia
até nos vermos de novo!


Sabrina Alves


A tecnologia existe
Pra vida do homem facilitar
Faz comida diversão , eita lá , lá….
Material para estudar…

Mas matava a saudade
Era texto de verdade
Nas linhas do coração

Agora escrevo e envio
E chega na mesma hora ….
Mas quando vou prosear
A pessoa foi embora
Abriu outro aplicativo agora
E a tecnologia vai pelo mundo afora.


Mariah Sampaio | 9º


Falsas estrelas
As estrelas caíram do céu.
Viraram telas, fininhas como papel
Uns dizem que foi evolução natural
Outros, um roubo sem igual

“Pegaram nosso brilho!” Gritavam os pontos luminosos
Noite adentro, retumbantes e odiosos
Porque as estrelas eram de se apreciar
De se olhar, de amar.

Mas a telinha ladrona e arretada cega como o que
Ela colocou rédeas em você
De frente para quem tu estás neste momento a viver?
Das estrelas é que não é, isso até eu posso ver.


Caroline Pirôpo


Na minha cidade tem
Capinha e carregador de celular
Observando as estrelas
A internet tem que rotear

Com o paulista eu converso
Com o bahiano eu canto
Com o carioca eu me divirto
Tudo isso é um encanto

Me esqueço muitas vezes
De observar o luar,
Mas pra quê tudo isso
Se a tela posso observar.


Luísa Silva


A tecnologia
é algo muito bom
chega ser aconchegante
sentar e mexer no seu computador

O problema, minha gente
é que o wi fi não é de graça
é neste pequeno cordel
que faço uma crítica
sobre essa bagaça!

Na moral, meu irmão
desse jeito não tem como
meu desejo maior
é ter um celular e uma poltrona
pra passar o dia todo
mexendo nas redes públicas

Porém, minha gente, isso não é fácil não
pois me falta dinheiro e trabalho bom
então vocês, com mais de um celular
que tal ajudar o próximo e nos ajudar?


Beatriz Santos | 9º


Sentado, parado olhando para um único lugar,
Já pensou na imensidão que existe em apenas um computador e celular,
Navegando em mundos diferentes em uma tela tão pequena

Lembro-me bem que mainha me dizia –
“na minha época não existia celular, agente brincava na rua e se divertia.”
Mais hoje em dia não da, tivemos que nos reinventar, aulas online e tudo mais

Fica ate difícil não enjoar de fazer as mesmas coisas todos os dias
parecendo um hamster na rodinha
Mais da pra aguentar porque a tecnologia está ai pra ajudar,
De certa forma, se posso dizer
Você só precisa saber usar e ter consciência
No mais e só aproveitar essa oportunidade que a ciência deu pra gente.


Júlia Dias / Maria Eduarda / Márcia Eloisa


No mundo de hoje
só se fala dessa tecnologia
uma novidade que se tem a noite e ao dia.

Você pode estudar no computador e no celular
Da sua casa você vai aprender
A somar, dividir e multiplicar
Vai ainda entender sobre rio, terra e mar.

Nesse tempo de pandemia
Utilizamos a tecnologia
Não conheço mas quero conversar
descobrir coisas novas e estudar.

Mas não posso me esquecer
de não me aprisionar
neste novo meio
que veio para “ajudar”.


Hudson Tales | 6º

Sô um nordestino, cabra resistente,
Quem fala da gente está sem razão.
Seu papo fiado e seu preconceito
Só gera um conceito sem nenhuma noção.

Eu sô um baiano, enfrento o batente,
De sol a sol quente, encontro o sertão.
Trabaio dobrado, sô fi da caatinga,
Na ida e na vinda, uso o meu facão.

Sô gente arretada, sô fio da peste
E a minha veste é o meu gibão
A minha precata, meu chapéu de couro,
São o meu tesouro pro meu ganha-pão.

Aqui, no nordeste, a dor é mais forte!
Ouça você do sul ou do norte, com atenção!
Mas não tem porteira e nem grande seca
Que vire a cerca dessa condição!

Da fome e da sede, vou pra bem distante
Sou um retirante, sem nenhum temor.
Levo a minha vida, buscando esperança,
Em meio à bonança de um povo sem dor.


Maria Eduarda Mares | 6º

Meu Nordeste, ô região bonita!
Lugar de alegria e animação
Dês das festas até as comidas
Vatapá, cuscuz, acarajé com camarão.

E as festas!! Vish, nem se fala!
Carnaval, capoeira, samba e São João!
Nordeste dos pontos turísticos
Noronha, praias, Chapada Diamantina

Mulheres bonitas em seus vertidos
Encantam a todos como purpurina
Brilham, brilham com seu olhar
Feito cabelo com brilhantina.

Nordeste de muitas vozes
Bahia da super Ivete
Luis Gonzaga, o rei do baião
Brown, Margareth, Daniela, Chiclete
Elba Ramalho, cantora e compositora
E a Paraíba do fenômeno Juliette.

Nordeste de grande valor
De gente simples e honesta
Terra de muito cantor
Onde me orgulho em ser neta
De Dão Barros, meu talentoso avô
Que, com sua arte, me deixa em festa!


No mundo de hoje
só se fala dessa tecnologia
uma novidade que se tem a noite e ao dia.

Você pode estudar no computador e no celular
Da sua casa você vai aprender
A somar, dividir e multiplicar
Vai ainda entender sobre rio, terra e mar.

Nesse tempo de pandemia
Utilizamos a tecnologia
Não conheço mas quero conversar
descobrir coisas novas e estudar.

Mas não posso me esquecer
de não me aprisionar
neste novo meio
que veio para “ajudar”.


No sertão tem muitas riquezas,
mas o que mata é a Seca.

Junto com o calor,
Vem a seca, mas no frio
Com chuva… É uma beleza.

E quando a chuva cai
A tristeza se vai…
E os nordestinos se
divertem por demais.

Eles plantam,
Eles colhem,
Eles comem…
E a alegria vem a mais.

Quando a chuva se vai…
Eles se desanimam,
Mas nordestino que é nordestino,
Nunca deixa a esperança ir,
Se ajeitam como pode e cada
Vez mais aumenta a vontade de sorrir.


 


Mais notícias »